top of page
  • Foto do escritorFelipe Katz

Como funciona a consultoria preventiva?

Conhecido por seu processo burocrático, o ambiente negocial no Brasil possui diversos desafios. Dentre eles, podemos citar os entraves burocráticos e procedimentais, multas, prazos, processos administrativos e processos judiciais estão no cardápio diário de empresas e das pessoas físicas que realizam negócios.


Podemos chamar de jurídico preventivo um conjunto de medidas que tem por objetivo prever, evitar ou amenizar potenciais demandas judiciais, multas e procedimentos administrativos.


A consultoria preventiva busca analisar a operação pretendida, seus participantes, os direitos e deveres de cada uma das partes e delinear seus objetivos. Também é importante realizar um levantamento dos documentos existentes e avaliar a necessidade de atualização ou alteração dos mesmos para adequação à realidade e necessidades da operação ou negócio.


De modo geral, o meio de formalização dos negócios e operações ocorre pela instrumentalização de um contrato, os quais fazem lei entre as partes, portanto, devem ser bem redigidos e adequados à realidade das partes (do negócio). Ressaltando que a clareza e objetividade em suas cláusulas, afastando a complexidade exagerada nos documentos visam evitar conflitos.


Desta forma, entende-se que bons contratos com fornecedores, clientes, colaboradores e prestadores de serviços são formas de auxiliar o desenvolvimento sadio das empresas e negócios.



4 visualizações0 comentário
bottom of page